Discipulado

Terça, 09/Outubro/2018 – Ano B – Evangelho São Marcos.

27º Semana T. Comum – Reflexão sobre a Palavra de Deus.

Pe. Cássio Santos, CSS – Santuário N. Senhora de Fátima – Palmas-TO.

 

Semeando a Palavra de Deus.

“Senhor, não te importa que minha irmã me deixe sozinha, com todo o serviço?” (Lucas 10,40).

 

Leituras do dia – Gálatas 1,13-24 – Salmo: 138(139) – Evangelho: Lucas 10, 38-42.

 

Meditamos hoje o famoso relato que aborda o acolhimento de Jesus na casa de Marta e Maria, irmãs de Lázaro, amigo de Jesus. De fato, Jesus era amigo da família. A intenção de São Lucas é destacar o verdadeiro perfil do discípulo: “Sua irmã, chamada Maria, sentou-se aos pés do Senhor, e escutava a sua palavra” (v. 39). O discípulo autêntico se coloca aos pés do mestre para escutar sua palavra. Como estamos nos relacionando com Jesus, mestre e Senhor? Faz-se necessário dedicarmos tempo a escutar a palavra do Senhor. A dinâmica da escuta exige recolhimento, interiorização, contato com o meio ambiente e a natureza, e, sobretudo, o cultivo do silêncio profundo. A sociedade em que vivemos faz bastante barulho. É preciso se retirar de vez em quando para estar na presença do Senhor. Alguns atribuem a Marta qualidades de pessoa ativa e outras pessoas consideram Maria como contemplativa. Isso é obvio. Porém, o foco do evangelho é a atitude do discípulo, que deve sentar-se aos pés do Senhor e procurar escutar sua vontade. A Marta que reclama do abandono de Maria aos pés do Senhor, o próprio Jesus dá o recado: “Porém, uma coisa é necessária. Maria escolheu a melhor parte e esta não lhe será tirada” (v. 42). Meditemos sobre a correia do dia a dia, que cansa e sufoca, e pensemos na necessidade de pararmos e contemplarmos a presença consoladora de Jesus, que nos acolhe e nos ampara sempre. Boa reflexão e oração com o evangelho!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *